Controlo de Stock no SAP Business One

SAP Business One também suporta diferentes métodos de avaliação de stocks numa base por artigo. Os métodos atualmente suportados são custo padrão, média móvel ponderada e First In, First Out (FIFO).

Os dados de planeamento também são mantidos no âmbito dos dados master do artigo. Os utilizadores podem definir um método de aquisição (tal como fazer ou comprar), bem como os intervalos de ordem nos quais comprar um artigo (tais como mensal, semanal ou diariamente). Também podem definir os tamanhos de lotes nos quais adquirir artigos, bem como a quantidade de encomenda minima e tempo médio de espera.

sapbusinessone_controlo_stock

Stocks e Distribuição
As capacidades de stock da SAP Business One permitem aos utilizadores gerir de forma precisa entregas que entram e saem, informações master dos artigos, bem como preçários. Os utilizadores também podem definir artigos alternativos, desempenhar ajustes de aumento ou diminuição de stocks, reavaliar custos de stocks baseados nos valores de mercado atuais e desempenhar contagens de ciclo, bem como gerar listas de picking para ordens de vendas abertas.

Dados Master do Artigo
Esta funcionalidade permite aos utilizadores definir os artigos de produção (fazer), artigos de compra (comprar) ou artigos que não estejam no stock, incluindo mão-de-obra, viagem ou ativos fixos. A informação por defeito – tal como o fornecedor de aquisição, unidade de medida de aquisição e venda, bem como o estado fiscal para um artigo – é mantida aqui. Os artigos armazenados podem ser mantidos em vários armazéns – a solução pode também manter os custos para cada artigo em cada armazém.

Números de Série e Lotes
Os números de série podem ser gerados automaticamente com base em modelos. Também podem ser criados manualmente e atribuídos apenas aquando da libertação de um artigo do stock ou, opcionalmente, em cada transação. Os utilizadores podem atribuir lotes aos produtos e classificá-los por vida útil ou quaisquer outros atributos definidos livremente. Os lotes podem então ser definidos para esses produtos em ordens de venda, notas de entrega e movimentos de stock.

Avaliação de Stocks
Situações diferentes ou condições de mercado poderão requerer alterações no método de avaliação para o seu stock. Com a atualização de relatório de método de avaliação de stock, os utilizadores podem selecionar facilmente artigos de uma lista e alterar o método de avaliação atual para um método alternativo.

Localizações de Stock
Podem ser definidos vários níveis de localização de stocks no âmbito de um armazém, o que irá permitir a acumulação de bens em posições no depósito individuais. Essas localizações podem ser configuradas com os seus próprios parâmetros, restrições e requisitos.Preçário
Os utilizadores podem definir um número qualquer de preçários e ligá-los a clientes ou fornecedores. Também é possível especificar preços por unidades de medida. Por exemplo, preço por unidade ou por variante com base no pacote, caixa, revestimento e por aí adiante.

Escolher e Embalar
As capacidades de escolher e embalar permitem aos utilizadores gerir o processo de escolha e embalagem no âmbito de três filas. As ordens de vendas são inseridas, são exibidas numa fila ‘aberta’ que pode ser libertada para escolha e, depois, entregue.

Contagem de Stock
Em armazéns grandes, a contagem de stock é muitas vezes um processo contínuo. Esta função agiliza o processo identificando quando cada artigo em stock deve ser contado.

O controlo de stock SAP ajudou-nos a gerir o nosso stock de saída, bem como devoluções de trabalhos para artigos que não são indispensáveis. Podemos rastrear a entrada e saída de todos os artigos que queremos vender e voltar a receber no stock.
Paul Stevenson – Diretor Geral, Stevensons Heating

Add a Comment

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Subscreva a newsletter Ábaco EDGE!